José Carlos Marques

Contacto

ORCID

Áreas de Interesse Académico e Científico

As relações entre o desporto e a comunicação, de forma a melhor compreender os fenómenos desportivos em torno de sua interdisciplinaridade com as Ciências Humanas e a Comunicação. A principal base metodológica de nossas investigações envolve a Análise do Discurso (AD) de linha francesa e as teorias do discurso em suas relações com as práticas comunicacionais.

Orientação de teses de doutoramento, dissertações de mestrado e trabalhos de conclusão de curso nas áreas do desporto e comunicação; desporto e jornalismo; desporto e relações de género; desporto e publicidade; análise discursiva de jornais; desporto paralímpico.

Nota Curricular

Doutor em Ciências da Comunicação pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo, Mestre em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo e licenciado em Letras pela Universidade de São Paulo. Docente do Programa de Pós-graduação em Comunicação e do Departamento de Ciências Humanas da Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação da Universidade Estadual Paulista (Unesp – Brasil). Durante dois mandatos (2008-2011 e 2011-2014) foi Diretor Administrativo da Intercom (Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação). Ocupou o cargo de Chefe do Departamento de Ciências Humanas de maio de 2015 a maio de 2017.É Líder do GECEF (Grupo de Estudos em Comunicação sobre Esporte e Futebol) e membro do LUDENS (Núcleo Interdisciplinar de Estudos sobre Futebol e Modalidades Lúdicas). Desde maio de 2017 é Diretor da Rádio Unesp FM.

Principais Publicações

  • Marques, J. C. (2016). ‘Tá tranquilo, tá favorável’: a cobertura brasileira dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro 2016. Revista USP, v. 1, p. 57-66.
  • Marques, J. C. (2016). O Day After do Apagão: O Brasil 1 x 7 Alemanha no Mundial de 2014 e as Formações Discursivas das Capas de Jornais Brasileiros. In M. Guerra. (Org.), Copa do Mundo 2014 – Registros e Reflexões (v. 1, pp. 25-41). Juiz de Fora (MG): Universidade Federal de Juiz de Fora.
  • Marques, J. C. (2015). O que é o esporte? As contribuições seminais de Johan Huizinga e Roger Caillois Ressignificadas por Roland Barthes. Revista Criação & Crítica, v. 1, 4-8.
  • Marques, J. C. (2015). A Copa das Copas? Reflexões sobre o Mundial de Futebol de 2014 no Brasil (1. ed). São Paulo: Edições Ludens.
  • Marques, J. C. (2015). Há Futebol em Prosa e Futebol em Poesia? O modelo semiológico proposto por Pasolini, antecipado nas crônicas de Nelson Rodrigues. In E. Cornelsen; G. Augustin & S. R. Silva (Org.), Futebol, linguagem, artes, cultura e lazer (v. 1, pp. 91-107). Rio de Janeiro: Jaguatirica.

Principais Projectos de Investigação

  • ENTRE A VITIMIZAÇÃO E A SUPERAÇÃO: OS JOGOS PARALÍMPICOS RIO 2016 E A REPRESENTAÇÃO DE ATLETAS BRASILEIROS NA MÍDIA IMPRESSA NACIONAL. Financiador: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp); José Carlos Marques – Investigador Coordenador. Linha de investigação aberta à participação de alunos (Desde 2016).
  • A ROTA INVERSA DOS DESCOBRIMENTOS: O CONCEITO DE BRASILIDADE EM JORNAIS LUSITANOS ADVINDO COM A PRESENÇA DE FUTEBOLISTAS E TREINADORES BRASILEIROS EM PORTUGAL. José Carlos Marques – Investigador Coordenador Linha de investigação aberta à participação de alunos (Desde 2015).
  • AS “COPAS DO BRASIL”: AS REPRESENTAÇÕES DE NACIONALIDADE NO JORNALISMO DE REVISTA BRASILEIRO POR OCASIÃO DOS MUNDIAIS DE FUTEBOL DE 1950 E 2014. José Carlos Marques – Coordenador. Linha de investigação aberta à participação de alunos (Desde 2014).